Passo a passo para tornar a sua empresa uma multinacional


Atravessar fronteiras geográficas pode ser um passo determinante para o sucesso da sua empresa

Ao olharmos para empresas multinacionais, logo pensamos em uma série de assuntos: da necessidade da tradução de documentos até o sucesso que a companhia fez para estar presente em diferentes países. Você sabia que a sua empresa também pode seguir esse caminho?

Há certa dose de burocracia envolvida, uma vez que tudo precisa ser feito de acordo com a lei para não ter problemas futuros, mas depois que essa etapa tiver passado, os lucros e o sucesso são consequências que farão todo o esforço valer a pena.

Saiba o que precisa ser feito para proceder com o processo de internacionalização do seu negócio e, assim, conseguir aumentar ainda mais a sua rentabilidade.

Como transformar sua empresa em uma multinacional?

Existem diferentes formas de fazer com que uma empresa torne-se uma multinacional. Alguns dos caminhos são os seguintes:

Filiais

Essa é uma das formas mais conhecidas para fazer com que a sua empresa torne-se uma multinacional, a qual consiste em abrir uma filial do negócio em uma nova localização, de maneira similar ao que aconteceu quando ela foi inaugurada em seu país de origem.

Não existe uma receita que se aplique a todos os casos, uma vez que a burocracia e as etapas necessárias para iniciar um negócio variam de acordo com cada país. Porém, em geral, é preciso proceder da seguinte forma:

– Contratar uma empresa de tradução de documentos para auxiliar na parte burocrática;

– Contratar um advogado que tenha conhecimento em trâmites internacionais para auxiliar com a documentação;

– Registrar a companhia nos órgãos solicitados pelo país de destino;

– Conhecer a legislação para enquadrar-se nas exigências propostas;

– Aguardar a visita dos órgãos responsáveis para a concessão das licenças necessárias;

– Começar a operar no país.

Como são etapas novas para quem sempre atuou em um único país, o ideal é ter o auxílio de um bom advogado que seja especializado em negócios internacionais, o qual terá o conhecimento necessário ou saberá como e onde aprender o que precisa para atender o seu cliente.

Subsidiárias

Se a companhia tiver um bom poder aquisitivo, comprar uma empresa que já atua no país de destino desejado pode ser mais fácil do que passar pelo processo de estabelecer uma filial a partir do zero.

O processo tende a ser mais rápido, uma vez que a companhia já estará estabelecida no outro país, com seu nome reconhecido por seu público-alvo e uma equipe que já a conhece e que pode tocar as operações com eficiência.

Ainda será preciso recorrer à tradução de documentos, mas a praticidade é um ponto positivo. Apenas atente-se à escolha da empresa que será adquirida, a qual, preferencialmente, deve ser do mesmo segmento que você já está familiarizado.

Veja também: Quais são os documentos mais procurados para tradução?

Joint ventures

O termo em inglês joint venture, o qual pode ser traduzido como empreendimento conjunto, tem exatamente essa finalidade: juntar forças para começar a atuar em outro país, sem a necessidade de adquirir uma subsidiária, cujo investimento nem sempre pode ser feito no atual momento.

Nessa alternativa, ambas as companhias passam a repartir seu capital, tecnologia e recursos em uma nova empresa, compartilhada, a qual é separada das operações principais de cada uma delas.

A opção traz as vantagens já conhecidas das subsidiárias, mas com uma economia considerável.

Franquias

A operação de franqueados em outros países é uma alternativa a ser considerada. Para isso, é preciso que um afiliado estrangeiro adquira uma licença da sua empresa para que possa usar a sua marca em solo internacional.

O negócio é vantajoso para ambas as partes: enquanto o afiliado retém os direitos sobre o negócio, a empresa recebe royalties de cada franquia, o que pode aumentar consideravelmente o seu faturamento.

A opção é a mais barata e rápida para ter presença em outros países e, além disso, com os menores riscos. Porém, é necessário acompanhar os negócios de perto, uma vez que as diferenças culturais e sociais entre os países podem trazer dificuldades comerciais.

Qual é a importância da tradução de documentos para a internacionalização de empresas?

A tradução de documentos é fundamental. Afinal de contas, será necessário elaborar e assinar contratos para a operação da empresa em outro país, assunto com o qual se deve lidar com o máximo de cuidado possível para evitar problemas futuros.

Por mais que se conheça o idioma envolvido, a linguagem utilizada no meio corporativo e financeiro é diferente, repleta de termos e palavras que não costumam ser usados no cotidiano, o que pode complicar a compreensão do que está sendo dito.

Há diversos motivos para contratar uma empresa de tradução e eles são ressaltados aqui, uma vez que a tomada de uma decisão equivocada pode resultar em sérios prejuízos a curto, médio e longo prazo.

A tradução de documentos precisa ser feita por tradutores profissionais, os quais detenham todo o conhecimento teórico e prático necessários para atuar na área, com o intuito de atender aos clientes com toda a qualidade que precisam.

Quando isso é colocado em prática, os interessados em internacionalizar suas empresas terão todas as condições que precisam para seguir as exigências legais do país de destino desejado.

Qual é o momento ideal para tornar a sua empresa uma multinacional?

O melhor momento é quando a empresa tiver uma boa reserva financeira e perceber que a atuação em outros países pode melhorar seus rendimentos e aumentar o sucesso do seu negócio.

Essa é uma sugestão importante, pois é natural que o início das atividades em outro país exija um bom investimento financeiro para a obtenção das licenças, a locação de um espaço físico e a contratação de profissionais, entre outras atividades.

Caso a companhia comece a atuar em outro país e não tenha dinheiro suficiente para concluir os processos necessários, é possível que seja preciso interromper as atividades, o que se reverteria em um prejuízo considerável para o seu orçamento.

Portanto, o ideal é que a ideia seja bem pensada, planejada e discutida para que a empresa possa tomar essa importante decisão, a qual tem o potencial de mudar sua realidade para o mercado nacional e internacional de uma vez por todas.

A Fidelity é uma empresa de tradução que atua há mais de 49 anos no mercado e que pode ajudar a sua companhia com a tradução de documentos, com toda a confiabilidade, credibilidade e experiência que ela precisa para passar por essa etapa.

Solicite sua Tradução

Postagens Relacionadas